Make your own free website on Tripod.com

 E.E.O.G - ESCRITÓRIO DE ENGENHARIA ODAIR GARCIA

   Estrutural           

          

Sempre  dê preferência para um profissional registrado no CREA - Conselho Regional de  Engenharia, Arquitetura e Agronomia !!!                                                Inscreva-se já e aproveite as exclusividades da área de assinantes !!!                                                Em breve, publicaremos projetos prontos para casas residenciais de 2, 3, 4  dormitórios e Alto padrão !!!                                               Acesse nossa área de Links para revista de Engenharia e Construção !!!        Você é nosso visitante no. Hit Counter

Mantemos esse site em freqüente atualização, visite-nos constantemente, pois sempre haverá novidades !!!

[Área em construção]

 

 

Cálculo e Projeto Estrutural

Em termos de solidez e segurança, é o principal e mais importante projeto da obra.

Nele o engenheiro projetista (calculista) calcula todos os esforços, pesos (cargas), efeitos e condições de suportes de todas as peças estruturais (lajes, vigas, pilares, escadas, fundações, etc...), dimensionando suas áreas, posições, interligações, apoios e armações de ferro (concreto armado) para que resistam a todos esses esforços.

Apresenta com a maior clareza todas as posições (locações) dos pilares, vigas e fundações. Detalha todas as peças de concreto em planta, corte e perfil. Detalha todas as armações (ferragens), mostrando a posição, quantidade de ferros, bitola, como também todas as ferragens transversais (estribos).

Detalha todas as condições a serem obedecidas no manuseamento do concreto e da ferragem. A resistência do concreto a ser empregado, o tipo de aço, etc...

Por fim, mostra a tabela de todos os ferros componentes por comprimentos e pesos, e um resumo por peso de toda a ferragem da obra, adicionando em geral, 10% de acréscimo para compensar cortes e perdas das ferragens.

Como acontece com o projeto executivo, o projeto estrutural também tem um preço relativamente alto, e por isso, nas construções menores os proprietários optam por não executá-los, deixando à cargo de empreiteiros "experientes" a função de "projetar e armar" as vigas "in loco". Assim, aqui acontece duas grandes falhas: a primeira do responsável técnico pela obra que deve obrigar a elaboração do projeto estrutural, e a do proprietário que, pensando em estar economizando, pelo contrário está trazendo um enorme prejuízo a sua obra, não somente em termos financeiros, mas, e o que é muito pior, colocando sua obra em risco de segurança.

Explicando melhor, o empreiteiro para se garantir, constroem peças de concreto muito maiores dos que a necessárias, e as armam com ferragens muito superiores que a exigida. Assim, o gasto com materiais fica muito maior. Além disso, construir peças maiores e mais armadas não quer dizer que ficaram mais seguras. Às vezes pelo contrário, essas peças ficam o que chamamos "super dimensionadas" e causam riscos à segurança de todo o conjunto da obra.

Os projetos de instalação elétrica deverão obedecer na íntegra o que prescreve as Normas Técnicas da ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas.

Os cálculos e projetos estruturais  deverão obedecer na íntegra o que prescreve as Normas Técnicas da ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas.

 

 

Envie mensagem a engodairgarcia@directnet.com.br com perguntas ou comentários sobre este site da Web.
Última modificação: 22 March, 2004